Carregando...
 

sábado, 30 de janeiro de 2010

Concurso Talentos da Maturidade

     
Premiação no Concurso Talentos da Maturidade.
O CEDPES - Centro de Desenvolvimento  para Preparação do envelhecimento Saudável, da Subprefeitura de Pinheiros, recebeu na segunda-feira, 30/11/09, o Prêmio Talentos da Maturidade - Categoria Programas Exemplares, promovido pelo Grupo Santander Brasil.

A cerimônia de premiação foi realizada na cidade de Campinas, em evento que contou com 700 convidados, apresentação do jornalista Maurício Kubrusly e show da cantora Paula Lima.

O prêmio da categoria Programas Exemplares é voltado para pessoas jurídicas sem fins lucrativos,com experiência e propostas na área e com, no mínimo, um ano de constituição formal. Foram inscritos 83 programas, dos quais cinco foram premiados e receberam um troféu e um cheque no valor de R$70 mil para serem investidos no projeto. Os quesitos avaliados foram qualidade das estratégias de ação, foco em resultados e sustentabilidade e potencial de disseminação.

Inaugurado em 2008 na Rua Cerro Corá, 1203, no Alto de Pinheiros, o serviço é fruto de uma parceria entre a Subprefeitura de Pinheiros e o Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP. A coordenação técnica, acompanhamento e controle são exercidos pelo Doutor Wilson Jacob Filho, Diretor do Serviço de Geriatria do Hospital das Clínicas e Professor Titular de Geriatria da FMUSP.

O objetivo do serviço é promover mudanças que concorram para o envelhecimento  saudável. O projeto propõe, portanto, implantar ações preventivas e terapêuticas junto à comunidade idosa de Pinheiros, com possibilidade de desenvolvimento de uma ampla variedade de atividades coletivas e de simples execução, com o intuito de possibilitar, futuramente, sua reprodução em outros locais. Com equipe técnica na área de geriatria  supervisionando e avaliando todas as atividades e clientes, a análise do impacto do programa está baseada em dados científicos fidedígnos, o que permite, ainda, que funcione como "incubadora" de projetos de promoção de saúde da terceira idade.

Entre as atividades desenvolvidas estão palestras para educação em saúde, oficinas de Tai Chi Chuan para prevenção de quedas, oficina de meditação para controle das doenças crônicas, fisioterapia para prevenção e tratamento das limitações motoras, reabilitação respiratória, atividade física visando à autonomia e independência, oficinas de memória e educação ambiental, saúde bucal, psicologia, arteterapia, ioga, pilates, dança de salão e dança circular.

"Antes de todas as aulas que tive me sentia cansada e desanimada. Hoje digo que melhorei muito com a ajuda dessas pessoas iluminadas", afirma Maria da Glória Ferraz Aluísio, 70 anos, frequentadora do CEDPES. Já o aposentado Álvaro Cherubini, frequentador há um ano, aponta a segurança como principal ganho: "Afirmo com prazer que faço hoje minhas caminhadas sem ter quedas. Sinto-me seguro, pois não tenho mais o desequilíbrio que, por vezes, me dava desconforto e insegurança", conta.

Aproximadamente 20% da população de Pinheiros possui mais de 60 anos. A idéia da parceria com o HC foi a criação de um centro onde os idosos não apenas passem o tempo, mas participem de uma programação que proporcione uma qualidade de vida saudável. "Hoje contamos com 700 inscritos, sendo 400 em atividade", afirma Diana Blay, funcionária da subprefeitura e administradora do centro.

Criado em 1999, em homenagem ao Ano Internacional do Idoso, os Talentos da Maturidade é um concurso que incentiva a produção e a memória cultural de pessoas com 60 anos ou mais, promovendo a criatividade e ampliando o potencial artístico e a participação social desse público.

O concurso tem o intuito de despertar a sociedade para uma nova reflexão sobre o envelhecimento, uma vez que, segundo projeções da ONU, em 2025 o Brasil terá 32 milhões de habitantes com mais de 60 anos, número expressivo e que merece uma atenção diferenciada. (Reportagem retirada do Jornal da OAB SP 93º Subsecção de Pinheiros)


Como Educador Físico e instrutor de Tai Chi Chuan (TCC), fico motivado e orgulhoso que o trabalho desenvolvido seja não só reconhecido, como premiado. As aulas de TCC são ministradas com muito carinho e dedicação, bem como, com muito zelo, profissionalismo e compromisso. A minha participação como estagiário é um presente. Ministrar as aulas é muito prazeroso. Fazer com que as alunas consigam obter melhoras significativas no equilíbrio, na saúde e na vida (bem estar e qualidade de vida) é muito gratificante.

0 comentários:

Postar um comentário